Cabeceiras do Piauí - Eventos

I Festivalcultural de Cabeceiras do Piauí

Cartaz anúncio do I Festival Cultural de CabeceirasAconteceu nos dias 17, 18 e 19 de dezembro de 2009 o pontapé inicial para o despertar cultural do povo cabeceirense: uma mostra cultural envolveu exposição de fotografias, pinturas, literatura local, palestras, apresentações musicais e de dança, bem como a comercialização de comidas e bebidas típicas.

A festa foi promovida pela Secretaria Municipal de EducaçãoAmostra de artesanato de Cabeceiras no I Festival Cultural e Cultura, com o apoio e colaboração da Prefeitura Municipal e das demais secretarias, do governo do estado, da Fundação Cultural Monsenhor Chaves, entre outros colaboradores.

Houve exposição e comercialização de artesanato produzido pelas mulheres beneficiárias do Programa Bolsa Família em cursos de geração e renda ministrados no CRAS; de peças confeccionadas pelas artesãs do assentamento Nova Vila, que têm tradição no artesanato com palha de carnaúba e palha de milho. As moradoras da localidade São Bento trouxeram suas pinturas e bordados em tecido, e outras mulheres empreendedoras do município que aproveitaram a oportunidade para mostrar o seu potencial criativo.

Discurso do Prefeito Zé Belim no Festival CulturalA noite de abertura foi marcada pela presença e discurso de autoridades do Município: o Prefeito Municipal, José Belim; o Secretário de Planejamento, José Ozires e a Secretária de Educação e Cultura, Profª. Solange Pereira, enfatizando a importância de se realizar um evento desse porte que nos possibilite conhecer para reconhecer a cultura produzida e reproduzida por nossos antepassados até os dias atuais.

Público presente no Festival CulturalO sucesso foi confirmado pela presença maciça do povo cabeceirense e de outros municípios que vieram prestigiar o evento, comprovando o interesse pela valorização das manifestações culturais dos mais diversos segmentos, populares e eruditas, local e regional.

O público assistia atento aos espetáculos, sem desviar a atenção do palco, pessoas que nunca haviam tido a oportunidade de apreciar uma apresentação de balet clássico, de dança de origem aficana, de uma peça de teatro, encantaram-se com a riqueza e diversidade dos figurinos coloridos e das coreografias.

Apresentação do Balet PAS Classique de TeresinaAs apresentações da Cia. PAS Classique e do Grupo Afro-Cultural "Coisa de Nêgo", ambos de Teresina, abrilhantaram a noite com uma mistura de sons, cores e ritmos envolventes, levando-nos a uma viagem aos costumes de nossos ancestrais afrodescendentes.

Nos dias seguintes, apresentaram-se manifestações artístico-culturais tradicionais da sede do Município representando o Carnaval, aniversário da cidade, festa Junina, festejos do Glorioso São José e Festa da Carnaúba; desfiles de moda do comércio local e o "Grupo Frutos da Terra". Que cantou e dançou as riquezas do Piauí.

Apresentação do reisado da localidade de Baixa de Tráz no FestivalAs manifestações culturais da zona rural encantaram os mais saudosos e fizeram brilhar os olhos dos mais jovens que assistiram curiosos e atentos às apresentações do reisado da localidade Baixa de Trás, do São Gonçalo e São Benedito da Localidade Saquarema. Houve ainda a participação do Grupo de Dança da Associação Corta Fogo de Nossa Senhora de Nazaré, da Banda Força Jovem do Pró Jovem, de grupos de dança e flauta do PETI (Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, coordenados pelo CRAS de Cabeceiras do Piauí.

As apresentações artístico-culturais da última noite ficaram a cargo da Escola de Dança do Estado do Piauí Lenir Argento, da cidade de Teresina e das manifestações culturais do Município de José de Freitas.

Aconteceu ainda um torneio de Futsal (categoria infanto-juvenil) no Ginásio Poliesportivo Juraci Leite, um jogo amistoso de futebol (categoria adulto) no Estádio Municipal "O Ozirão" e oficinas de danças populares e teatro, na Unidade Escolar Átila Lira.

Os palestrantes convidados foram:

  • Palestra do Prof. Cinéas Santoso Prof. Cineas Santos, com o tema Cultura popular e a participação do violinista da Orquestra Sinfônica do Piauí, Josué Santos;

  • o Prof. Raimundo Nonato de Oliveira Filho, que tratou sobre o tema Recursos naturais do município de Cabeceiras do Piauí. O geógrafo abordou o tema através da exposição de fotos exemplificando tipos de solo, relevo, vegetação, clima e hidrografia do Município;

  • o Prof. Júnior, apresentando o tema História de Cabeceiras do Piauí: Grupo de danças Projovem de Cabeceiras Da sua origem aos dia atuais, nos levou a um passeio pela evolução cultural, econômica e política da cidade.

As noites sempre eram encerradas com shows. Apresentaram-se as Bandas:  Nacional Banda de Cabeceiras do Piauí; Banda RPS, também da cidade; e Banda Contágio Musical, de Campo Maior, que fizeram a alegria e contagiaram aqueles que vieram prestigiar o evento.